"Quando eu morrer voltarei para buscar os instantes que não vivi junto do mar."
Sophia de Mello Breyner Andersen

.

sábado, 11 de outubro de 2008

Beleza
Livre
Paixão
Entrega
Sapiência
Vontade
Hoje, serás tu a fazer o texto...
Diz-me...

6 comentários:

ZeManel disse...

Aceito o desafio… aqui vai:

Perante tal BELEZA
LIVRE de preconceitos
A PAIXÃO está latente
Bem como a ENTREGA que será uma certeza
Sustentada que está na SAPIÊNCIA que te distingue
E na VONTADE que te está subjacente

Vá lá, vá lá… :))
Bjs

PavlovDoorman disse...

Espero que a menina tenha recebido o texto desejado...

Só parei mesmo para parabenizá-la pela escolha musical...lindo lindo

Golfinho disse...

linguagem de um corpo, a hesitação nas palavras, os sons das mãos, são caminhos dos desejos que queimam no roçar das palavras.

Francis disse...

Faço minhas as tuas palavras...

poetaeusou . . . disse...

*
e a ninfa
saudou o pôr-do-sol,
ofuscando-o . . .
,
ocasos, deixo,
,
*

Baraújo disse...

desculpa recusar fazer o texto... mas ao ver esta imagem, já tou a tirar a camisa, e a correr em direcção ao mar...

aí vou eu...

beijo terno